comida

A bola de Berlim de francesinha do chef Jamon que vai dividir as redes sociais

Tiago Amorim é conhecido pelas suas receitas inovadoras. Esta é especialmente peculiar.
Tem milhares de seguidores nas redes sociais.

Tiago Amorim é conhecido nas redes sociais por chef Jamon. Do TikTok ao Instagram, tem ficado cada vez mais conhecido graças às suas receitas diferentes e inovadoras. Além disso, todos os dias, faz críticas a produtos de supermercado (e não só).

O username que usa atualmente, Jamon, é uma derivação daquele com que se apresentava nessa rede social — Forever Jamon. “Comecei por fazer publicações de receitas acompanhadas por imagens e com um título humorístico. Atraíam muitas pessoas. Quem frequenta o Reddit português sabe que quando um post tinha entre 100 e 300 upvotes já era um sucesso”, contou à NiT neste artigo.

Por ali, ganhou alguns prémios: foi considerado o melhor utilizador português em três anos consecutivos. “Era uma distinção votada pelos outros utilizadores”, aponta. Hoje em dia, conta com mais de 104 mil seguidores apenas no Instagram.

Tal como o nome de utilizador dá a entender, não é apenas crítico gastronómico. “O gosto pela culinária foi-me passado pela minha mãe quando era pequeno”, disse. “Na altura, eu e o meu irmão gémeo éramos os provadores e rapadores oficiais de tudo o que se fazia lá em casa“.

O chef dividiu o mundo quando decidiu apresentar uma proposta de francesinha num pastel de nata. Houve quem amasse a ideia e quem odiasse. Antes que fiquem nauseados com a ideia de provarem esta proposta gastronómica do inferno, saibam que ele comeu e deu-lhe nota máxima. “10/10, mamava outra vez”, resumiu na sua frase-bordão, que conclui sempre os vídeos com pratos bem-sucedidos (pode ler mais sobre este prato neste artigo da NiT).

Não satisfeito, lançou agora, neste mês de maço, uma nova receita que certamente vai dividir as redes sociais: bola de Berlim de francesinha. Uma autêntica bomba calórica, que pode ser servida como uma refeição principal e que certamente não será muito consensual entre os internautas. 

 
 
 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Chefe Jamon (@chefejamon)

 

Do que precisa

Para o Tangzhong:

— 80 gramas de leite
— 15 gramas de farinha sem fermento

Para a massa:

330 gramas de farinha sem fermento 
50 gramas de açúcar
6 gramas de sal
10 gramas de fermento seco
115 mililitros de leite
1 ovo tamanho M
40 gramas de manteiga sem sal à temperatura ambiente

Como se faz

Comece por misturar 80 gramas de leite e 15 gramas de farinha num tacho. Misture até que fique homogéneo. Depois, leve o tacho ao lume e mexa constantemente até que se forme um papa — o tangzhong. Deixe arrefecer até que fique à temperatura ambiente.

Coloque na cuba da batedeira a farinha, açúcar, sal, ovo, o tangzhong e o leite. Amasse tudo durante dez minutos até que a massa fique lisa. Depois, junte a manteiga amolecida aos poucos. Retire a massa da cuba e forme uma bola. Coloque a massa numa taça limpa, tape com película aderente ou um pano e deixe levedar num sítio morno até que dobre de tamanho.

Retire a massa da taça e divida em porções de 80 gramas. Use as palmas das mãos para formar as bolas e depois deixe-as levedar novamente até que dobrem de tamanho. Frite as bolas durante cerca de dois ou três minutos de cada lado até que fiquem com aspeto dourado e guloso. Por fim, passe as bolas por açúcar e recheie com queijo, fiambre, bife, salsicha e linguiça. “Mamem com prazer sem que ninguém vos veja”, escreve nas redes sociais.

Carregue na galeria e conheça outras receitas deliciosas que pode fazer em casa.

MAIS HISTÓRIAS DO PORTO

AGENDA