compras

Joana Villas-Boas: a antiga modelo que é obcecada por moda — mas mantém um estilo discreto

A mulher do novo presidente do FC Porto, André Villas-Boas, chegou a tirar cursos de design e de manequim. Tem 43 anos.
Joana Villas-Boas e o marido.

Carolina, a filha mais nova de André Villas-Boas, tinha apenas três anos quando pisou pela primeira vez numa passarela. Mas não estava sozinha. Ao lado da miúda, que manteve um ar impenetrável, estava uma mulher que já sabia o básico sobre a arte do desfile. A mãe, Joana Villas-Boas, cativou os presentes que não estavam à espera da forma como conseguiu comandar os olhares com o seu andar.

“Deu para recordar os meus tempos de adolescente. Na altura tirei o curso de manequim, mas só por brincadeira”, revelou em 2014, à revista “Caras”, sobre uma experiência que decorreu no Colégio Luso-Inter­nacional do Porto. Embora nunca tenha chegado a ter uma carreira nesta área a paixão por tudo o que envolve o mundo da moda continua presente aos 43 anos.

Curiosamente, falamos de alguém que prefere estar longe dos holofotes. Quando André Villas-Boas, que é três anos mai velho, foi eleito presidente do Futebol Clube do Porto no sábado, 27 de abril, a mulher só apareceu por breves momentos nas imagens ou vídeos dos festejos. Joana preferiu manter-se na sombra, junto dos restantes apoiantes. A decisão, contudo, não surpreende quem conhece a relação do casal.

Apesar da discrição — e do perfil privado nas redes sociais —, tem acompanhado todos os desafios profissionais do marido. Joana Teixeira mudou o apelido quando se casou há quase duas décadas, celebradas a 18 de junho. Tem três filhos com André: Benedita, de 14 anos, Carolina, de 13, e Frederico, de oito.

O casamento aparentemente feliz já passou por diversas mudanças de casa. A montanha-russa começou quando seguiu o companheiro para Inglaterra, onde treinou o Chelsea e o Tottenham, seguindo-se uma temporada em solo russo, após ter sido transferido para o Zenit. Ainda ficou um ano na China, tendo regressado à Europa para treinar o Marselha, em França, entre 2019 e 2021.

“O André sabe que pode contar comigo para tudo e que é com todo o gosto que mudo com ele”, revelou à mesma publicação, em 2016, após a mudança para a China. “Já sabia que quando surgisse uma oportunidade, ele iria aceitar. Mas esta é a vida dele. É muito importante ter-nos por perto, para se poder concentrar”.

Da formação em design à decoração de mesas

Para trás, com tanta inquietação, terão ficado algumas destas suas paixões. Antes de sequer olhar para os relvados ou imaginar-se numa passarela, já tinha uma ligação ao mundo da moda. Assim que terminou o secundário, formou-se em design e ainda ponderou seguir esse caminho. Mas isso nunca aconteceu — e também nunca quis falar publicamente sobre os motivos que a afastaram desse percurso.

Ao longo dos anos, aproveitou sempre algumas das paragens em Portugal para assistir aos desfiles da semana da moda, mais precisamente do Portugal Fashion. E, sempre fiel à sua personalidade contida, tentava passar despercebida, sem prestar declarações, à medida que acompanhava as novas propostas de alguns dos maiores criadores nacionais.

Além da moda, Joana gosta especialmente de decoração. Aliás, essa paixão parece estender-se a André Villas-Boas, que também é fã de arte contemporânea. O casal costuma ir regularmente a inaugurações de exposições de artistas nacionais, sobretudo quando existem peças de Joana Vasconcelos. 

“Adoro decoração, em particular a arte de decorar as mesas”, confessou Joana durante um workshop na loja PiuBelle Première, acrescentando que o seu género favorito de peças são as mais modernas, mas com linhas sofisticadas. A própria Joana usa alguma da sua experiência profissional para criar as suas peças, embora nunca as tenha colocado à venda.

Estas são algumas das características que, a par da sua personalidade discreta, se refletem no seu estilo pessoal. Quando é vista em público, ou nas fotografias partilhadas pelo ex-treinador de futebol, Joana costuma optar por vestidos fluidos e com cortes simples (que contam com alguns detalhes ousados), sem muitos padrões ou detalhes excessivos nas silhuetas.

Basta um scroll para perceber que, durante as férias com o marido, não descarta um clássico vestido de alças. Já nas fotografias dos passeios, pode optar por jeans e uma blusa branca ou um top mais descontraído. Ao contrário de outras mulheres associadas ao desporto, tende a apostar em escolhas que criem um equilíbrio entre o elegante e o casual. E isso é uma enorme mais-valia para o seu empoderamento. 

Carregue na galeria para ver mais algumas imagens do estilo de Joana Villas-Boas.

ver galeria

MAIS HISTÓRIAS DO PORTO

AGENDA