compras

O vestido glamoroso e feroz da Zara para mulheres que não querem passar despercebidas

Tem a capacidade de tornar qualquer mulher mais confiante e feroz, ao mesmo tempo que assegura o conforto.
O padrão animal é a principal arma.

Numa estação marcada pelos estampados, o padrão animal continua a estar em destaque. É difícil apontar a origem exata desta tendência, sobre a qual existe uma certeza. No atual mundo da moda, poucos nomes trabalham de forma tão exímia com animal print como Roberto Cavalli. É precisamente na insígnia italiana que a Zara parece ter encontrado inspiração para o seu novo vestido.

A proposta lançada pela marca espanhola combina todo o potencial do estilo deste designer, que o levou a ter um papel tão importante na moda. É versátil e fácil de combinar, uma vez que apresenta um conjunto de cores neutras. Por ser um clássico, também pode ser usado durante todo o ano.

Ao mesmo tempo que recupera a beleza do mundo animal, permite que qualquer look (e, por sua vez, a mulher que o usa) se torne mais poderoso e irreverente. No vestido, o padrão de leopardo mistura uma estética animalesca com um desenho sofisticado para mulheres que gostam de peças chiques.

Parece bem mais caro do que é.

 O design é realmente primoroso. É claro que o tecido em chiffon ajuda a criar esta imagem polida, com o contributo da transparência. Porém, as mangas abalonadas, as aberturas triangulares na cintura e as cordas finas que complementam a silhueta são fatores igualmente relevantes.

Na parte de trás, quase toda a zona das costas fica descoberta. A exceção são várias cordas que contrastam com o estilo leve e vaporoso da peça, criando um cruzamento impressionante. Embora este design não pertença a um desfile da Roberto Cavalli, que reinventa o padrão todas as estações, esta lá perto.

O vestido está disponível no site da Zara por 49,95€, entre os tamanhos XS e L.

Dos vestidos às blusas, passando pelos acessórios, carregue na galeria para conhecer algumas das melhores propostas dos saldos da Zara.

ver galeria

MAIS HISTÓRIAS DO PORTO

AGENDA