cultura

Lello lança edição especial de “O Principezinho” para ajudar os miúdos ucranianos

Os livros já estão em pré-venda e o valor vai ser doado à Unicef. Várias personalidades portuguesas já se uniram à causa.
Já pode comprar o livro.

A Livraria Lello acaba de anunciar que tem uma nova edição muito especial de “O Principezinho”. A obra está traduzida para ucraniano e parte do seu valor vai reverter a favor da Unicef para o apoio a miúdos ucranianos vítimas da guerra.

Toda a edição — desde a tradução à paginação, sem esquecer a revisão — foi feita por ucranianos que, de acordo com a livraria, completaram o trabalho enquanto assistiam ao avolumar do conflito. Apesar de ficar disponível apenas a partir de 24 de maio, já é possível comprá-la em pré-venda.

Através da campanha “Read for Ukraine”, criada em parceria entre a Lello e a Unicef, cada livro vai representar uma doação de 10€ à organização, para apoio aos jovens ucranianos. O preço de cada exemplar é de 15,90€, sendo que depois de 24 de maio também poderá obtê-lo diretamente na livraria.

“Queremos, com esta ação, mostrar que um livro pode ser uma poderosa arma do bem, para além de um refúgio seguro para realidades demasiado difíceis de enfrentar”, diz em comunicado a administradora da Livraria Lello, Aurora Pedro Pinto.

A esta causa solidária já se associaram algumas personalidades nacionais como Valter Hugo Mãe, Sílvia Rizzo ou Mafalda Veiga. O desafio lançado consiste em ler um capítulo da obra e partilhá-lo em vídeo através das redes sociais com a hashtag #readforukraine nomeando três amigos, de forma a dar a conhecer o objetivo da campanha a mais pessoas.

O valor angariado através desta campanha será utilizado pela Unicef para equipamento médico para apoiar mães e recém-nascidos nos hospitais ucranianos, formar equipas de unidades móveis de proteção infantil para apoio psicossocial, distribuir água potável, kits de higiene, criar espaços seguros nas fronteiras para os miúdos refugiados e as suas famílias e ainda para apoiá-las financeiramente.

MAIS HISTÓRIAS DO PORTO

AGENDA