na cidade

6 programas para celebrar o Dia Internacional da Mulher no Porto

Desde uma talk de empoderamento a um lanche especial, na cidade não faltam sugestões para fazer com amigas ou sozinha.
Há propostas para todos os gostos.

A história remonta ao dia 8 de março de 1917, altura em que cerca de 90 mil operárias russas percorreram as ruas, exigindo melhores condições de trabalho e de vida enquanto, ao mesmo tempo, se manifestavam contra as ações do Czar Nicolau II. Este evento deu origem às comemorações do Dia Internacional da Mulher, que ficou ainda conhecido como o dia “Pão e Paz”, uma vez que as ativistas também manifestaram o seu descontentamento face às dificuldades decorrentes da Primeira Guerra Mundial. 

Anterior ao movimento das operárias russas, em 1908 houve uma greve das mulheres que trabalhavam numa fábrica de confeção de camisas, em Nova Iorque. As manifestantes reivindicavam melhores condições de trabalho, diminuição da carga horário e aumento dos salários. 

Entretanto, ao longo da história, outros acontecimentos recordam a luta das mulheres, que faziam longas jornadas de trabalho, recebiam salários muito baixos e, além disso, não tinham direito ao voto. Para assinalar a luta destas mulheres, o Porto tem várias iniciativas temáticas a decorrer.

No dia 8 de março, sexta-feira, a família Symington evoca o clube de enólogos “Matriarca” para um jantar vínico dedicado à mulher. O evento vai decorrer no restaurante Vinum, mesmo nas caves Graham’s e será um banquete típico duriense, com comida, música e trajes da época. A sessão servirá de homenagem à vida de Beatriz Leitão de Carvalhosa Atkinson, mulher de Andrew James, o primeiro Symington a vir a Portugal para trabalhar no setor do vinho do Porto, em 1882.

Já no sábado, 9 de março, o Yotel Porto promove uma conversa sobre empoderamento feminino, com entrada gratuita, das 14 às 18 horas. O evento contará com Letícia Bergamo, mentora de negócios e especializada em empoderamento feminino. O objetivo da palestra “Conecte-se” é motivar as mulheres a iniciar ou impulsionar os seus próprios negócios.

A talk contará também com a participação de Paula Marchi, numa talk sobre “Dinheiro Sistémico”. Já Eliane Jannuzzi falará em “Gestão de Negócios” e a tarde encerrará com a intervenção de Alessandra Maiani, sob o mote “Se reinvente”.

O Yotel tem ainda a intenção de introduzir este evento na agenda do hotel, a realizar-se a cada dois meses, criando assim um espaço de networking e troca de experiências entre as mulheres empreendedoras da região norte.

Estas são apenas algumas das propostas. Carregue na galeria para descobrir outras sugestões para celebrar o Dia Internacional da Mulher no Porto.

MAIS HISTÓRIAS DO PORTO

AGENDA