na cidade

Este fim de semana há um festival de marionetas, cinema e ioga no Porto

O FIMP é um dos destaques dos próximos dias, mas há mais propostas para toda a família. Siga as nossas sugestões.
Há atividades para todos

Apesar de as previsões meteorológicas para este fim de semana não serem as mais convidativas a grandes passeios, a cidade do Porto está cheia de atividades. O grande destaque vai para o Festival Internacional de Marionetas do Porto (FIMP), que começa esta sexta-feira, 15 de outubro, e dura até dia 24 de outubro, domingo.

A edição deste ano do FIMP está dedicada às famílias e, por isso, há vários espetáculos para todas as idades como, por exemplo, “Caixa para guardar o vazio”, de Fernanda Fragateiro e Aldara Bizarro, que tem várias sessões ao longo do fim de semana, ou opções abrangentes como “Concerto para uma árvore”, de Fernando Mota.

No sábado, 16 de outubro, às 16 horas, Filipe Marques e os curadores Isabeli Santiago e Juan Luis Toboso vão fazer uma visita guiada pela exposição “PANDEMIC – I Don’t Know Karate But I know Ka-razor”, que está patente na Galeria Municipal do Porto. Nesse mesmo dia mas um pouco mais tarde, será possível ver ainda os morcegos, numa atividade marcada para os Jardins do Palácio de Cristal.

Nas manhãs de sábado e domingo não podemos esquecer as conhecidas atividades dos Dias com Energia, que levam sessões de modalidades como ioga ou tai-chi aos parques da cidade. Para quem prefere o escurinho do cinema para passar o fim de semana, não podemos deixar de lado o Festival Internacional de Cinema Queer do Porto, que termina no sábado, e as propostas de filmes para os próximos dias que já lhe demos a conhecer.

Tome nota de algumas das atividades que pode fazer este fim de semana no Porto.

Sábado

9 horas — Dias com Energia, nos Jardins do Palácio de Cristal, no Parque da Pasteleira e no Parque Oriental.

10 horas — Sessão de “Caixa para guardar o vazio”, de Fernanda Fragateiro e Aldara Bizarro, integrada no FIMP, no Teatro Rivoli. Os bilhetes custam 3,50€.

15 horas — Sessão de “Caixa para guardar o vazio”, de Fernanda Fragateiro e Aldara Bizarro, integrada no FIMP, no Teatro Rivoli. Os bilhetes custam 3,50€.

16 horas — Visita guiada à exposição “PANDEMIC – I Don’t Know Karate But I know Ka-razor” com o artista Filipe Marques e os curadores Isabeli Santiago e Juan Luis Toboso, na Galeria Municipal do Porto.

17 horas — “Le Pas Grand Chose” Conferência-Espetáculo, de Johann Le Guillerm. Um espetáculo que faz parte do FIMP, no Teatro Rivoli. Os bilhetes custam 12€.

18 horas — Noites de Morcegos, nos Jardins do Palácio de Cristal.

19 horas — Apresentação de “O Julgamento de Ubu”, integrada no FIMP, no Teatro Carlos Alberto. O preço dos bilhetes é de 10€.

Domingo

9h30 — Dias com Energia, no Parque da Cidade (junto ao Pavilhão da Água).

10 horas — Sessão de “Caixa para guardar o vazio”, de Fernanda Fragateiro e Aldara Bizarro, integrada no FIMP, no Teatro Rivoli. Os bilhetes custam 3,50€.

10 horas — Domingo em Forma, no Pavilhão Municipal do Lagarteiro.

11 horas — “Concertos Promenade 2.0 — Cinderela e outras histórias…”, no Coliseu do Porto. O preço dos bilhetes vai de 6€ a 72€.

15 horas — Sessão de “Caixa para guardar o vazio”, de Fernanda Fragateiro e Aldara Bizarro, integrada no FIMP, no Teatro Rivoli. Os bilhetes custam 3,50€.

17 horas — “Concerto para uma árvore”, de Fernando Mota, integrado no FIMP, no Teatro Campo Alegre. O preço dos bilhetes é de 7€.

MAIS HISTÓRIAS DO PORTO

AGENDA