na cidade

Poesia, mercados e exposições: tudo o que pode fazer no Porto este fim de semana

A agenda da cidade arranca com diversas atividades gratuitas para todos os gostos e idades. Espreite as nossas sugestões.
Há muito para fazer.

Ao contrário do fim de semana anterior, que chegou com uma programação mais tímida, nos próximos três dias estão previstas várias atividades na cidade. O bom tempo parece dar tréguas no fim de semana, por isso, aproveite os dias solarengos de inverno para passear enquanto apoia artistas ou comerciantes locais.

Este fim de semana ficará marcado pela primeira inauguração do ano, na Cooperativa Árvore. Para reforçar a sua posição e importância na cultura portuense e portuguesa, este sábado, 13 de janeiro, pelas 16 horas, duas salas da cooperativa recebem a exposição “Amor com Amor se Paga”, da autoria de Antónia Gomes.

A decorrer no sábado e no domingo, dias 13 e 14 de janeiro, o Mercado Alternativo do RUA está de regresso em formato indoor e com muitas novidades. O mercado urbano vai ocupar o Amazém 22, em pleno Cais de Gaia, com expositores de artigos vintage, sustentáveis e em segunda mão, assim como um espaço para artistas, flash tattoos, um corner para comida de rua e música ao vivo. O mercado estará aberto nos dois dias, das 11 às 22 horas, no Jardim do Morro.

Espreite na lista abaixo outras sugestões para o fim de semana.

Sexta-feira

19h30/22 horas — “Candela: Mulheres na Poesia” marca a primeira sessão mensal do ano, em que as mulheres portuenses, e não só, estão convidadas para uma noite dedicada à leitura de poesia.

Sábado

15/16 horas — “Oficinas com Estória”. A Biblioteca Popular de Pedro Ivo, na Praça do Marquês de Pombal, promove uma oficina para os miúdos dos três aos dez anos, onde vão participar em momentos de leitura, seguidos de atividades artísticas.

15h30/17h30 — “Liberdade à Queima-roupa”. No ano em que se assinalam os 50 anos do 25 de Abril, a Fundação Eng. António de Almeida recebe uma conferência, um momento musical e uma mostra expositiva sobre a liberdade.

16 horas — “A Tentação dos Significados”. A Cooperativa Árvore inaugura a exposição de Benvindo de Carvalho, que conta com peças de figuração abstratas. A mostra pode ser visitada até dia 17 de fevereiro.

22 horas — O Pinguim Café recebe uma noite dedicada ao stand up comedy.

22h30 — The Kings of Swing ao vivo. O CastleRock Porto convida a uma noite cheia de música, acompanhada por cerveja artesanal.

Domingo

10h30/12h30 — “À Procura da Beleza”. O Museu Nacional Soares dos Reis desafia os portuenses a participar nesta oficina para contemplar, comparar e dar sentido a novas imagens do Museu. A participação é gratuita, mas requer inscrição prévia através do email se@nullmnsr.dgpc.pt.

11 horas — “Alterações Climáticas e hormonas esteróides”. A Sala Panorâmica da Quinta, no Parque de Serralves, recebe o primeiro ciclo de conversas do ano, com a participação da investigadora Patrícia Gonçalves Cardoso.

11/12 horas — “Visita Incógnita”. O Museu Nacional Soares dos Reis promove uma visita orientada mensal, com um tema mistério. Os participantes são desafiados a explorar o Museu e as suas coleções, descobrindo outras narrativas e espaços. A participação é gratuita, mas requer inscrição prévia. 

Se quiser aproveitar o fim de semana para passear pela cidade, espreite a galeria para conhecer o novo mural urbano do Porto, localizado perto da Ribeira.

 

MAIS HISTÓRIAS DO PORTO

AGENDA